Menu
Busca segunda, 18 de junho de 2018
(67) 99279.0643
FIBRIA MEIO AMBIENTE
Incêndio criminoso

Por ciúmes, mulher e primo ateiam fogo em sete veículos e acabam presos pela Polícia Civil

Uma das vítimas teve o carro incendiado por engano

13 junho 2018 - 22h59Por Celso Daniel

Através de uma investigação da Polícia Civil de Selvíria, investigadores comandados pelos delegado Fernando Casati conseguiram identificar e prender duas pessoas suspeitas de atear fogo em sete veículos naquele município. Os crimes ocorreram nos dias 26 de março e 08 de maio deste ano.

Segundo informações policiais, uma mulher de 30 anos e o primo dela, um homem de 22 anos, são responsáveis pelo incêndio criminoso de sete veículos que ocorreram no mês de março e maio deste ano em Selvíria. A causa seria por ciúmes, pois a vítima que era alvo da dupla, é a atual namorada do ex-companheiro da suspeita de 30 anos.

O primeiro caso de incêndio criminoso foi registrado no dia 26 de março na frente de uma residência na rua Goiás no centro. A vítima, um homem de 36 anos deixou o veículo na frente da casa por estar com problemas mecânicos e na madrugada do dia 26, ele ouviu barulhos e ao se levantar percebeu que o veículo estava sendo tomado pelas chamas. O fogo destruiu o carro.

Através da investigação realizada pelos investigadores e pelo delegado Fernando Casati, a polícia descobriu que o carro do serralheiro de 36 anos foi queimado por engano pela dupla, que posteriormente foi identificada.

Já no dia 08 de maio deste ano, a vítima foi um comerciante de 51 anos, cunhado do ex-companheiro da suspeita. Ele tinha alguns carros para a venda que estavam estacionados em um terreno. Segundo a polícia, a intenção da dupla era prejudicar o comerciante e por isso eles atearam fogo nos veículos como forma de “atingir emocionalmente” a mulher envolvida com o ex-marido da suspeita de 33 anos.

Na tarde desta quarta-feira (13), o delegado Fernando Casati , juntamente com os policiais civis realizaram diligência e conseguiram localizar e prender a mulher e o primo que foram levados para a delegacia. Eles foram indiciados por incêndio criminoso e a pena máxima pode chegar a 6 anos.

A Policia Civil de Selvíria conta com o apoio da população na denúncia de crimes pelos telefones 67 3579 1166 e 67 3579 2253. A identidade dos denunciantes são mantidas em sigilo.

 

Leia Também

157
Bandidos armados roubam supermercado de Três Lagoas
Tragédia
Irmã de vereador morre atropelada na BR-158
Desespero
Criança excepcional se perde da família em evento e é encontrada no Jardim Carandá
Retorno das negociações
Sindicato e Prefeitura se reúnem na próxima segunda-feira para tratar de reajuste salarial dos servidores públicos